segunda-feira, 5 de abril de 2010

Sessão "Me engana que eu gosto"

A Comissão de arbitragem em Minas já explicou que o quadro de árbitros está passando por uma renovação. Renovação pode ser sinônimo de mudança, lambança, sucesso ou fracasso. Entretanto, a renovação era desejada e necessária.
Vários nomes têm surgido, pressionados, muitos têm errado em demasia.
Os erros acontecem e junto deles as reclamações. A Comissão entra em cena e pede paciência.
E o joguinho de erro e paciência continua.
Até que saiu a escala de árbitros para a rodada mais importante do Estadual até agora. Para minha surpresa o nome do árbitro Ricardo Marques Ribeiro, único FIFA de Minas, não apareceu em nenhum jogo. Alguém pode explicar?
A Comissão pede paciência por causa da renovação e não escala o único que poderia e deveria ser exposto?
Acabou a fase de ter paciência. A escalação de Ricardo Marques seria OBRIGATÓRIA.
Procurei apurar os motivos da não escalação e o que fiquei sabendo foi que Ricardo pediu para não ser escalado por ter compromissos acadêmicos na Faculdade de Direito.
Repito: A escalação de Ricardo Marques Ribeiro seria OBRIGATÓRIA.
Não seria nenhuma garantia de arbitragem correta, no entanto, Ricardo pode apitar Libertadores e não apita o Estadual?
Se já sou chato e atento, pode estar certo que espero estar mais chato e mais atento.
Abaixo segue a escala dos árbitros das quartas:

Atlético x América - Renato Cardoso Conceição. Ele apitou Atlético x Cruzeiro e foi muito criticado pelo Atlético.

Uberaba x Cruzeiro - Alício Pena Júnior. Muito criticado no ano passado, em 2010 apitou dois jogos do Cruzeiro e foram duas derrotas. Uma para o Tupi e outra para o Democrata.

Democrata x Villa - Átila Carneiro Magalhães. Alvo de duras críticas de presidente do Guarani em 2009. Átila foi muito mal em Democrata x Guarani, em Valadares.

Tupi x Ipatinga - Cleisson Veloso Pereira. Surgiu bem ano passado e tem se mostrado inseguro em 2010.

2 comentários:

Igor sausmikat disse...

é sempre assim,em tudo quanto é lugar,se tem Matriz e Filial.Ou seja os que não são bem aproveitados vão pra times pequenos e muito mais.Cruzeiro e Ipatinga tinha muito esse acordo,jogador mal aproveitado na Raposa iria para o Ipatinga,não sei se hoje existe,confesso estar por fora disso.
abraço Marra
Igor
meu blog: http://igoresportes.blogspot.com/

marcia disse...

Ola Mario mais uma vez eu te dou toda razao,mas a solucao n e tao dificil....no brasil as coisas funcionam mais ou menos assim,errou punicao e multa em dinheiro,so funciona assim se n sentir no bolso nao funciona....e oq eu penso...abracos