segunda-feira, 1 de março de 2010

O que é Neymar para você?

Alvo de intensas discussões e marcações, Neymar é a bola da vez. Só dá ele na televisão, no rádio e nos jornais.
Tive a oportunidade de ver, na Vila Belmiro, os primeiros passos do time do Santos em 2010 e tenho a minha opinião formada. Acho que Neymar ainda tem muito a crescer, mas ele é diferente. Dos pés dele sai algo a mais, sai o inusitado.
E pra você, o que é Neymar? Produto da mídia? Mais um dos meninos da Vila que vai brilhar?

4 comentários:

Igor sausmikat disse...

Boa pergunta e bom post novamente Marra.Acho o Neymar que o momento é dele,mas não é necessário pra ir pra seleção e tal,seria exagero de ele ir na seleção.E claro que o adversário tenta intimidá-lo com entradas duras e tudo mais.Vi uma declaração do Léo em um jogo dizendo assim: pra que intimidar o Neymar,se o Neymar vai fazer aquilo,ele vai pra cima do mesmo jeito.
E ainda tem gente que quer acabar com o um drible que pode desequilibrar intimidando,absurdo!
abraço Marra!
Mas pra tudo se tem também um exagero claro,ele pode decidir pode,mas seleção brasileira?Calma aí né?
meu blog de esportes: http://igoresportes.blogspot.com/

Marcelo Bechler disse...

Neymar é ótimo. Habilidoso, vertical, rápido, inteligente. Agora, calma. Como todo garoto, vai oscilar. Robinho oscilou, Diego também, Pato não foi diferente.

É preciso ter serenidade para aos primeiros sinais de queda não se atacar o garoto dizendo que ele se perdeu, que é um foguete-molhado e outras avaliações precipitadas.

Neymar é preparado para ser um jogador importante desde os 14 anos quando assinou seu primeiro contrato com o Santos. A chance dos altos e baixos diminui. Ganhar altos salários não é novidade, ser cobiçado também não.

A novidade para Neymar é ser importante. O garoto divide com Robinho o posto de melhor jogador do time profissional.

Tecnicamente, não o vejo tão bom quanto era seu inspirador Robinho quando completou 18 anos. Robinho conitnua muito bom, jogou na Europa, disputou (e vai disputar) Copa do Mundo, mas sempre que se fala em Robinho há uma reticência: "ele poderia ter sido mais".

Talvez aí esteja a chance de Neymar. Aprendendo com o ídolo, a promessa pode ir mais longe, pode errar menos...e tem só 18 anos. Ainda há muito o que mostrar.

Abraços!

Claudinei Souza disse...

Neymar é um garoto que sabe jogar futebol. Executa bons dribles, é audacioso frente à jogadores consagrados como o lateral Roberto Carlos, atualmente no Corinthians, e sabe que o momento é dele.
Porém, como todo garoto pobre que começa a brilhar - diga-se Robinho, Adriano Imperador, Ronaldo Fenômeno e vários outros que esta listagem não comportaria, tenho medo que ele se perca pela fama, pelo dinheiro, pelos falsos amigos e, principalmente, que o poder financeiro retire a sua inocência e humildade quando estiver na Europa - fato esse que será inevitável. Baladas, mulheres, e a ilusão de se auto-afirmar com a típica arrogância de quem está em evidência: EU SOU O CARA!
Está certo que o KaKá nunca foi pobre mas é riquíssimo graças ao seu talento e, principalmente, pela sua simplicidade e pela sua fé em Deus. Digo-lhes outro exemplo: Alexandre Pato. Vocês já ouviram dizer que algum desses dois foram flagrados bêbados em boates com inúmeras mulheres? Eu não. Quem precisa se afirmar como varão ou garanhão, que se ilude com o poder da fama e do dinheiro, entrega a sua vida ao diabo! Quem age assim são adolescentes que precisam se afirmarem como homens, machos, éteros e babacas!
Espero que Neymar não siga por esta ideologia estúpida de que pode tudo e todos vivem ao seu redor por que gostam dele.
Repito: gosto de vê-lo jogar. O garoto tem talento! O meu receio é que a mídia o transforme em um sucesso absoluto de imagem de bom moço e depois o destrua como um produto já gasto, usado e descartável, como já fizeram com vários outros. Um exemplo: os inúmeros barracos entre Garrincha (o gênio das pernas tortas, o mito, o herói da Estrela Solitária carioca) e a sua fraqueza pela bebida.
Desculpem-me a franqueza mas somente quem tem filhos e reconhecem o perigo da imaturidade que somente persegue aqueles que ainda não cursaram a escola da vida, podem falar o que eu digo. Tenho 37 anos e sei bem o que passei para poder chegar aonde estou chegando. Graças à Deus, hoje tenho o discernimento de não me iludir com as propostas e com as tentações que a vida oferece.
Um grande abraço à todos!

Anônimo disse...

Acho Neymar um jogador com grande potencial. Precisa se destacar em competição nacional, mas certamente será um grande jogador. Quem me agrada mesmo é PH. Que jogadoraço! Cabeça erguida, enfiadas de bola nas costas da zaga e belos lançamentos. Boto mais fé nesse do que naquele.

Renato-SP