domingo, 20 de setembro de 2009

Deu no lancenet


Publicada em 20/9/2009 às 18:34

Perto de enfrentar o Palmeiras, Kléber vai a evento da Mancha
Atacante esteve em um campeonato da torcida palmeirense

Kléber posa para foto com torcedores, em evento da Mancha (Foto: Reprodução do Orkut)
LANCEPRESS!

A ligação do atacante Kléber com o Palmeiras continua forte. Neste sábado, o atleta cruzeirense esteve em São Paulo para participar da abertura de um campeonato de futebol soçaite organizado pela Mancha Alviverde, principal facção uniformizada do clube paulista. O curioso é que, na próxima quarta-feira, Cruzeiro e Palmeiras se enfrentam no Mineirão, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A presença de Kléber no evento foi confirmada pelo seu procurador, Giuseppe Dioguardi. Em contato com a reportagem do LANCENET!, o empresário disse não ver problema algum no episódio. Segundo ele, o atacante ainda mantém uma boa amizade com o presidente da Mancha, André Guerra.

- Kléber esteve lá, sim. Não vejo problema algum nisso. Ele vê os amigos quase todo fim de semana. O André (Guerra) é muito amigo dele, é meu também. Eles se falam toda hora. Kléber, inclusive, foi no Carnaval da Mancha neste ano. Não vejo problema nessa ligação dele com os amigos da torcida - afirmou Dioguardi.

De acordo com mensagens de torcedores na comunidade da Mancha Alviverde no Orkut, o atacante, inclusive, chegou a jogar. As informações são de que Kléber atuou pelo time da Mancha Zona Leste, contra a Mancha Vila Matilde, em partida que teve início às 19h. Outro fato curioso é que o jogador vem se recuperando de uma pubalgia e não atua pelo Cruzeiro há cinco rodadas em razão da contusão.

- Ele foi bater uma bola com o pessoal da Mancha, brincou um pouco - confirmou André Guerra, presidente da torcida.

- Mas esse jogo não teve nada a ver com o Palmeiras. Ele estava lá pela amizade que formou com algumas pessoas, só isso. Ele ainda é jogador do Cruzeiro - completou Guerra.

O empresário Giuseppe Dioguardi, por sua vez, disse que Kléber lhe contou que não chegou a jogar.

- Ele falou para mim que não jogou. Ele disse que ficou só um pouco para prestigiar o evento - afirmou o procurador.

Segundo os torcedores, Kléber "fez a diferença" para sua equipe vencer por 8 a 1. O atacante, porém, não marcou gol.

No Cruzeiro, apesar de já recuperado da pubalgia, Kléber ainda é considerado dúvida para o jogo contra o Palmeiras, na quarta-feira, pelo fato de ainda sentir algumas dores na região. Após treinar na manhã de sábado, o jogador viajou a São Paulo, já que o grupo cruzeirense ganhou folga no domingo.

4 comentários:

DOLABELA disse...

No meui time não jogava MAIS !!!!

Igor disse...

Mário Marra,acompanho seus brilhantes comentários e até também na radio globo aí em BH.
Sinceramente acho que depois dessa atitude o Kléber deveria voltar pro Palmeiras,isso claro é uma coisa que jamais vai soar bem e normal,pois se o Kléber está jogando pelo o Cruzeiro e gosta do Palmeiras deveria mostrar o seu lado profissional,é que nem um jornalista que assume seu time por exemplo mas tem de ser imparcial e não tendencioso,até por isso vem esse lado de muitos não revelarem seu time do coração ou jogar pra preferência de torcer pra times do Interior por essa,até respeitável atitude.
mas essa não vai soar bem mesmo não,mesmo se o Kléber for por acaso negar a foto.
Aí fico vendo a situação do Marcelinho Carioca que jogou no Brasiliense aqui e até agora no Santo André e depois do jogo sempre vai lá pertinho da fiel falar algo,ou seja,pura demagogia as vezes.Tem que ter claro gratidão por times que passa,isso é coisa de jogador,mas não pode haver exageros desse tipo que deu no lancenet.
abraços mário
Igor

e quem quiser dar uma olhada em meu blog ou até comentar e tal o espaço tb é todo seu,entre aqui no meu blog de esportes,o espaço tb é seu,confira!
http://igoresportes.blogspot.com/

Anônimo disse...

Mário. Se o Adilson tiver um pouco de inteligencia, não escala Kléber a quarta feira. Se ele for um técnico de verdade, não escala o Kléber quarta feira. Vende logo.... barca furada... pouco futebol e muito bla bla bla

marcia disse...

As vezes penso se p ser um craque e preciso deixar de ter vida social.E preciso pensar q os jogadores são profissionais como qualquer outro e ainda q mudem de times vão manter boas amizades c ex companheiros,ex torcedores,ex tecnicos e prq não até ex dirigentes,prq ainda q as torcidas protestem ,eles vão continuar sendo profissionais.Talvez muitos não concordem comigo,mas os caras são "HUMANOS",e é oq se espera deles,prq isso é o normal de acontecer...Fazer "AMIGOS" por onde passamos. Abraço Màrio