domingo, 11 de outubro de 2009

Com muita emoção

A Argentina colocou algumas doses a mais de emoção na campanha das Eliminatórias. O jogo contra o Peru deve ter abreviado os dias de vida de muitos "hermanos". O primeiro tempo mostrou um time argentino muito tenso, preocupado e ansioso. Higüaín perdeu gols, Aimar manteve a timidez e Messi tentava provar e muitas vezes errou. A apreensão era quase tangível. Quando o gol saiu, com Higüaín, os peruanos partiram tentando o empate e Maradona sentiu o golpe e recuou. O sufoco reinou! O glorioso Peru partiu em velocidade e mereceu empatar, até que empatou mergulhado em uma chuva impressionante. O tango triunfou com Palermo, aos 47, em um gol feito em posição de impedimento.

Nada garantido

A classificação argentina não está ainda definida, pelo contrário. O último jogo terá toda a rivalidade e manha de um Uruguai x Argentina, em Montevidéu. O Uruguai tem que vencer e, se vencer, a Argentina torcerá pelo Chile (treinado pelo argentino Bielsa). Vida dura, hermanos!

2 comentários:

REGINALDO disse...

jogo foi épico mesmo. Me lembrou um da eliinatórias de 198, quando o Passarela marcou no fim e salvou los Hermanos, que seriam campeões.

Dose mesmo foi aturar o Galvão Bueno ontem,,,Ele alternava o assunto: ora dizia que era um crime jogar na altidude, ora dizia que o gol do Palermo fora impedimento. Bem...bobo sou eu que assisti com a transmissão dele...

Com certeza, vou ver Argentina x Uruguai. Jogo da Seleção sem valer nada é muiiiito chato.

Blog do Marra disse...

Fala, Reginaldo!
Que honra vc de volta!
Se eu puder (escala permitir) também verei Uru x Arg.
Abraço,

Mário Marra