domingo, 6 de dezembro de 2009

Deu Cruzeiro na Vila e na Libertadores

Todos nós sabíamos que o jogo entre Santos e Cruzeiro seria um jogo tenso. O início não foi. O Santos chegava com ligação direta e o Cruzeiro pensando o jogo. Jonathan pelo meio e Elicarlos na sobra da direita. O primeiro gol saiu aos 4 minutos. Boa jogada de Marquinhos Paraná com Jonathan e ele achou Wellington Paulista, ele, de primeira bateu forte e no alto. O gol não causou muitas mudanças imediatas na partida. O Santos não conseguia criar e o Cruzeiro teve outras duas ou três oportunidades. Até que o Cruzeiro encolheu e o Santos passou a confiar na técnica de Neymar e Ganso. O trabalho da defesa do Cruzeiro aumentou. O Santos passou a dominar a partida. É verdade que o domínio tinha limite. Toque e posse de bola e, perto da área, o Santos não conseguia bater a gol.
O segundo tempo continuava complicado e o Cruzeiro parou de jogar. Tenso, preocupado e recuado. Jonathan começou a errar passes pelo meio e tomou dois amarelos e foi para o chuveiro. O espaço santista aumentou e o gol saiu depois de um erro de posicionamento da defesa. A sensação era clara de que o Cruzeiro, muito defensivo, teria dificuldade para chegar ao segundo gol. Aí brilhou a vitória pessoal. A escapada na Mancha, a cirurgia e as críticas que Kleber sofreu foram convertidas em gol. Gol da classificação para a Libertadores. Ele, que ficou apenas 2 minutos em campo até fazer o gol, colocou o Cruzeiro e tirou o Palmeiras da Libertadores.

6 comentários:

Vinícius Cabral disse...

Marra, obrigado por ter sido sempre lúcido em seus comentários sobre o Cruzeiro durante toda a temporada! Parabéns pela imparcialidade e pela classe. Quando precisou criticar, o fez com respeito e sem a intenção de denegrir a imagem do clube e principalmente do treinador, tão sacaneado durante toda a temporada. A equipe da CBN está de parabéns! Um abraço!

Eder disse...

Parabéns Marra, vc dá um banho no chato do Lélio da Itatiaia e do Atlético. Grande abraço do seu amigo, Eder.

Nelson Oliveira disse...

Olha só, no início do ano, todos apontavam o CRUZEIRO, INTERNACIONAL E SÃO PAULO como favoritos a todas competições, isso de acordo com a história, tradição e estrutura de seus clubes.
O CRUZEIRO foi BICAMPEÃO MINEIRO, finalista da LIBERTADORES 09 e 4º colocado no BRASILEIRÃO.
O SÃO PAULO TROPEÇOU nas três competições disputadas, mas chegou em 3º colocado no BRASILEIRÃO e não deixou de ser forte e respeitado.
O INTERNACIONAL foi campeão gaucho, finalista da COPA DO BRASIL, vice da RECOPA, campeão de um torneio no JAPÃO, e 2º colocado no BRASILEIRÃO.

Francamente, esse trio continua sendo favorito a ganhar tudo em 2010, e torço pelo meu CRUZEIRÃO continuar sendo respeitado em toda AMÉRICA.

Gustavo Martins disse...

Faço minhas as palavras do Vinícius. Estou com a Globo/CBN desde o inicio do ano. O único arrependimento foi não ter mudado há mais tempo. Parabéns a toda a equipe. Abraços!

Viviane disse...

Penso que será ótimo para o futebol mineiro. O Luxemburgo é um ótimo técnico e vai elevar o nível técnico no atlético, mas não adiante pedir para ele fazer limonada sem dar-lhe limão....

Isabela disse...

adoro os seus comentários,você é muito bom jornalista...........pena que não consigo ouvir os jogos do cruzeiro pela cbn....aqui na minha casa não pega..........mas sempre leio seu blog.......parabéns pelo profissionalismo........