sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Investir uma bolada na bola

Quem acompanha o blog já teve a oportunidade de ler textos do Campeonato Espanhol do jovem jornalista Vander Ribeiro. Vander observa, lê, assiste e escreve com olhar crítico. Tem visão de futebol. Em breve o jornalista Claudinei Souza vai relatar alguns jogos da Copa Itatiaia, torneio popular e que alcança toda a região metropolitana de BH. Mas hoje quero apresentar Viviane Rodrigues. Viviane foi minha colega de sala na faculdade. Entrava nos papos de futebol e cirurgicamente atingia a questão. Nunca foi de engolir resposta fácil. Parece que foi ontem o dia em que ela não se curvou diante de um importante chefe de redação em um debate na faculdade. Encarou mesmo. Não satisfeita com a resposta, ela perguntou de novo e o silêncio reinou absoluto. Era a resposta de que necessitávamos.
O primeiro post dela é sobre investimentos do Cruzeiro. Se prepare! Lá vem cobrança.
Parabéns, Vivi.

Viviane Rodrigues

Diante das ótimas cifras apresentadas pelo Cruzeiro, essa semana, imagino que a expectativa da torcida celeste tenha aumentado com relação aos futuros reforços para a próxima temporada. Afinal foram R$ 18 milhões apenas com arrecadação na bilheteria, sem contar a receita com transações dos atletas transferidos para a Europa e as parcerias.

Lembro-me de, num passado recente, ouvir da diretoria, nas justificativas em algumas contratações, da necessidade de uma participação mais aguda da torcida para que chegassem à Toca da Raposa jogadores consagrados. Penso que essa desculpa não poderá mais ser usada pelos Perrelas.

Que me desculpem Pedro Ken e Jóbson, mas esses não são os nomes que a China Azul quer ouvir como reforços. Chega de apostar em nomes desconhecidos, esperando uma valorização para depois vendê-los e arrecadar mais. Não sei quanto custa a manutenção das instalações físicas e a folha de pagamento dos funcionários do clube, mas acredito que os R$ 18 milhões são o suficiente, com sobras. O Cruzeiro existe única e exclusivamente por conta do futebol (apesar do Esporte Clube) e é nele que a diretoria deve investir. A equipe de vôlei é legal, os atletas do atletismo idem, mas não sobreviveriam sem a força do futebol.

A diretoria pediu, a torcida atendeu, agora é hora de retribuir oferecendo ao torcedor o que ele espera. Quem sabe o retorno do talento Alex? Ou quem sabe Fred, Dario Conca, D´Alessandro?

2 comentários:

Daniel Reiner disse...

E se o Perrela dizer que a Vivi está equivocada em sua crença e dizer que os tais 18 milhões não são suficientes? A Vivi teria uma resposta capaz de nos deixar em silêncio absoluto?

Igor sausmikat disse...

O Cruzeiro no momento está precisando de jogadores fortes,Pedro Ken e Jóbson são até poucos para um time que quer escapar de vexame como aconteceu na final da Libertadores ou algo assim.
O Adílson será mantido ou nada ainda tá certo?e essa história do Kléber hein,faz um monte de coisas e até aquele video dele com a mancha verde mostrando o quanto ele para mim é mal profissional e aí era o ditado do tempo é o senhor da razão pra até pensarem em renovação para o cara.É o futebol e seu tempo.
abraços a todos
meu blog de esportes(todos estão convidados): http://igoresportes.blogspot.com/